Técnicas de Manejo Sustentável para o Aporte Forrageiro da Agricultura Familiar no Semiárido Brasileiro: Palma Forrageira, Irrigação e FonDren

Revista Brasileira de Geografia Física

View Publication Info
 
 
Field Value
 
Title Técnicas de Manejo Sustentável para o Aporte Forrageiro da Agricultura Familiar no Semiárido Brasileiro: Palma Forrageira, Irrigação e FonDren
 
Creator Santos, João Pedro Alves de Souza
Araújo Júnior, George do Nascimento
Jardim, Alexandre Maniçoba da Rosa Ferraz
Souza, Carlos André Alves de
Silva, José Orlando Nunes da
Salvador, Kaique Renan da Silva
Souza, Luciana Sandra Bastos de
Silva, Thieres George Freire da
 
Subject Meteorologia; Agrometeorologia


 
Description A palma forrageira (Nopalea e Opuntia) é uma cultura de fundamental importância para o Semiárido brasileiro (SAB), principalmente como fonte de alimento para os animais. Devido ao seu Metabolismo Ácido das Crassuláceas (MAC) e traços morfofisiológicos. Essa cactácea apresenta fácil adaptação à ambientes com altas temperaturas do ar e déficit hídrico, exibindo elevada eficiência no uso da água e produção satisfatória de biomassa, sobretudo em épocas de longa estiagem. Contudo, ainda é necessário o emprego de práticas de manejo que possam melhorar ainda mais as respostas da palma às condições ambientais dessa região. Nesta revisão, objetivou-se discorrer sobre a utilização do manejo de corte baseado na relação fonte-dreno (FonDren) e o uso de irrigação complementar no cultivo da palma forrageira, de modo a melhorar o aporte forrageiro da agricultura familiar no Semiárido brasileiro. O manejo FonDren consiste na retirada de cladódios que não estejam participando ativamente no processo de fotossíntese (i.e., com injúrias e/ou sombreados), de forma a possibilitar maior emissão de novos, com incremento no desenvolvimento e acúmulo de biomassa da cultura. Por sua vez, a irrigação complementar à chuva, melhora o aproveitamento dos recursos hídricos locais, favorecendo o aumento do uso da água pela palma. A utilização dessas práticas em conjunto, pode incrementar o rendimento dos clones de palma forrageira, e promover maior aporte forrageiro aos sistemas produtivos de agricultura familiar do Semiárido brasileiro.Palavras-chave: Intensidade de corte, Nopalea, Opuntia, relação fonte-dreno, semiárido Sustainable management techniques for the fodder supply of family agriculture in the brazilian semiarid: forage cactus, irrigation and fondren A B S T R A C T The forage cactus (Nopalea and Opuntia) is a crop of fundamental importance for the Brazilian Semiarid Region (BSR), mainly as a source of food for animals. Due to its Crassulaceous Acid Metabolism (CAM) and morphophysiological traits. This cactus is easily adapted to environments with high air temperatures and water deficit, showing high efficiency in the use of water and satisfactory production of biomass, especially in times of long drought. However, it is still necessary to use management practices that can further improve cactus responses to environmental conditions in that region. In this review, the objective was to discuss the use of cut management based on the source-drain ratio (FonDren) and the use of complementary irrigation in the cultivation of forage cactus, in order to improve the forage contribution of family agriculture in the Brazilian Semiarid. FonDren management consists of removing cladodes that are not actively participating in the photosynthesis process (i.e., with injuries and/or shading), in order to enable greater emission of new cladodes, with an increase in the development and accumulation of biomass in the culture. In turn, irrigation complementary to rainfall improves the use of local water resources, favoring the increased use of water by the forage cactus. The use of these practices together, can increase the yield of forage cactus clones, and promote greater forage input to the productive systems of family agriculture in the Brazilian Semiarid.Keywords: Cutting intensity, Nopalea, Opuntia, source-drain ratio, semiarid
 
Publisher Universidade Federal de Pernambuco
 
Contributor
 
Date 2022-01-03
 
Type info:eu-repo/semantics/article
info:eu-repo/semantics/publishedVersion


 
Format application/pdf
 
Identifier https://periodicos.ufpe.br/revistas/rbgfe/article/view/250113
10.26848/rbgf.v14.7.p3910-3931
 
Source Revista Brasileira de Geografia Física; v. 14, n. 7 (2021): Revista Brasileira de Geografia Física-Edição Especial; 3910-3931
Brazilian Journal of Physical Geography; v. 14, n. 7 (2021): Revista Brasileira de Geografia Física-Edição Especial; 3910-3931
1984-2295
 
Language por
 
Relation https://periodicos.ufpe.br/revistas/rbgfe/article/view/250113/40534
https://periodicos.ufpe.br/revistas/rbgfe/article/downloadSuppFile/250113/37429
/*ref*/Aguiar, S. C., de Lima, V. L. A., da Silva, P. F., Neto, J. D., & de Farias, M. S. S. (2020). Sustentabilidade da pecuária leiteira do semiárido brasileiro com base em vulnerabilidade e resiliência socioecológica. Revista Ibero-Americana de Ciências Ambientais, 11(2), 236-248. Albuquerque Wanderley, L. S., Nóbrega, R. S., de Menezes, R. S. C., Lima, C., & dos Santos, J. A. D. L. (2017). Climatologia aplicada ao planejamento de cultivo da palma forrageira em bacia hidrográfica no semiárido do Nordeste brasileiro. Revista Brasileira de Geografia Física, 10(03), 955-969. Alves, C. P., Silva, T. G. F., Alves, H. K. M. N., Jardim, A. M. D. R. F., de Souza, L. S. B., da Cruz Neto, J. F., & de Souza Santos, J. P. A. (2020). Consórcio palma-sorgo sob lâminas de irrigação: balanço de água no solo e coeficientes da cultura. Agrometeoros, 27(2). Alves, R. N., Farias, I., Menezes, R. S. C., de Andrade Lira, M., & dos Santos, D. C. (2007). Produção de forragem pela palma após 19 anos sob diferentes intensidades de corte e espaçamentos. Revista Caatinga, 20(4), 38-44. Amorim, D. M., Silva, T. G. F. D., Pereira, P. D. C., Souza, L. S. B. D., & Minuzzi, R. B. (2017). Phenophases and cutting time of forage cactus under irrigation and cropping systems. Pesquisa Agropecuária Tropical, 47(1), 62-71. Andrade, A. J. P., de Souza, C. R., & da Silva, N. M. (2013). A VULNERABILIDADE E A RESILIÊNCIA DA AGRICULTURA FAMILIAR EM REGIÕES SEMIÁ RIDAS: o caso do Seridó Potiguar. CAMPO-TERRITÓRIO: revista de geografia agrária, 8(15). Aquino, J. R. D., Gazolla, M., & Schneider, S. (2018). Dualismo no campo e desigualdades internas na agricultura familiar brasileira. Revista de Economia e Sociologia Rural, 56(1), 123-142. Araújo Júnior, G. D. N., Silva, T. G. F. D., Souza, L. S. B. D., Souza, M. D. S., Araújo, G. G. L. D., Moura, M. S. B. D., ... & Alves, H. K. M. N. (2021). Productivity, bromatological composition and economic benefits of using irrigation in the forage cactus under regulated deficit irrigation in a semiarid environment. Bragantia, 80. Assad, E. D., Pinto, H. S., Zullo Junior, J., & Ávila, A. M. H. (2004). Impacto das mudanças climáticas no zoneamento agroclimático do café no Brasil. Pesquisa Agropecuária Brasileira, 39(11), 1057-1064. Batalha, M. O., Buainain, A. M., & Souza Filho, H. D. (2005). Tecnologia de gestão e agricultura familiar. Gestão Integrada da Agricultura Familiar. São Carlos (Brasil): EDUFSCAR, 43-66. Borland, A. M., Hartwell, J., Weston, D. J., Schlauch, K. A., Tschaplinski, T. J., Tuskan, G. A., ... & Cushman, J. C. (2014). Engineering crassulacean acid metabolism to improve water-use efficiency. Trends in plant science, 19(5), 327-338. Carlos, S. D. M., Cunha, D. A. D., & Pires, M. V. (2019). Conhecimento sobre mudanças climáticas implica em adaptação? Análise de agricultores do Nordeste brasileiro. Revista de Economia e Sociologia Rural, 57(3), 455-471. Cavalcante, J. M. M., Queiroz, A. L. B., Oliveira, C. C., & Saraiva, J. F. C. S. (2017). Desenvolvimento inicial de brotações com uso de 1/2 e 1/6 do cladódio na propagação da palma forrageira Nopalea cochenillifera var. miúda. PUBVET, 11, 744-839. Costa, M. S., Oliveira‐Júnior, J. F., Santos, P. J., Correia Filho, W. L. F., Gois, G., Blanco, C. J. C., Teodoro, P. E., Silva Junior, C. A., Santiago, B. D., Souza, E. O., Jardim, A. M. R. F. (2020). Rainfall extremes and drought in Northeast Brazil and its relationship with El Niño–Southern Oscillation. International Journal of Climatology 41, E2111-E2135. Cordeiro, G. G., Resende, G. M. D., Pereira, J. R., & Costa, N. D. (1999). Utilização de água salina e condicionador de solo na produção de beterraba no semiárido brasileiro. Horticultura Brasileira, 17(1), 39-41. Cruz, M. D. C. M. D., Ramos, J. D., Lima, L. C. D. O., Moreira, R. A., & Ramos, P. S. (2009). Qualidade de frutas de tangerineira 'Ponkan' submetidas ao raleio químico. Revista Brasileira de Fruticultura, 31(1), 127-134. Duarte, T. D. S., & Peil, R. (2010). Relações fonte: dreno e crescimento vegetativo do meloeiro. Horticultura brasileira, 28(3), 271-276. Dubeux Jr, J. C. B., Dos Santos, M. V. F., De Mello, A. C. L., Vieira da Cunha, M., de A. Ferreira, M., Dos Santos, D. C., ... & da C. Silva, M. (2013, October). Forage potential of cacti on drylands. In VIII International Congress on Cactus Pear and Cochineal 1067 (pp. 181-186). Farias, I., LIRA, M. D. A., SANTOS, D. C. D., Tavares Filho, J. J., Santos, M. V. F. D., Fernandes, A. D. P., & Santos, V. F. D. (2000). Manejo de colheita e espaçamento da palma-forrageira, em consórcio com sorgo granífero, no agreste de Pernambuco. Pesquisa Agropecuária Brasileira, 35(2), 341-347. Feitosa, A. A. F. M. A., Gadelha, T. M., & Sousa, J. D. S. G. J. (2019). Estudos socioambientais em áreas assistidas pela transposição do rio São Francisco no semiárido–enfoque na sustentabilidade e nas (in) viabilidades do percurso. AMBIÊNCIA, 15(1), 40-56. Felix, E. S., de Lima, W. B., da Silva, C. T., Araújo, J. S., Pereira, D. D., & de Lira, E. C. (2018). Cultivo de palma forrageira (Opuntia Stricta) irrigada com água salinizada. Brazilian Applied Science Review, 2(6), 1869-1875. Ferreira, M.A.; Silva, F.M.; Bispo, S.V. Azevedo M. (2009) Estratégias na suplementação de vacas leiteiras no semi-árido do Brasil. Revista Brasileira de Zootecnia, 38, 322-329. Guedes, P. A., Almeida, O. S., Lemos, O. L., & Rebouças, T. N. H. (2008). Relação fonte-dreno na formação de frutos: uma revisão bibliográfica. Vitória da Conquista, Diálogos & Ciência, 1-13. Himabindu, Y., Chakradhar, T., Reddy, M. C., Kanygin, A., Redding, K. E., & Chandrasekhar, T. (2016). Salt-tolerant genes from halophytes are potential key players of salt tolerance in glycophytes. Environmental and Experimental Botany, 124, 39-63. Jardim, A. M. D. R. F., da Silva, T. G. F., Sandra, L., de Souza, B., & de Sá Souza, M. (2020a). Journal of Environmental Analysis and Progress. Journal of Environmental Analysis and Progress V, 5(01), 069-087. Jardim, A. M. R. F., Silva, T. G. F., Souza, L. S. B., Souza, M. S., Morais, J. E. F., Araújo Júnior, G. N. (2020b). Multivariate analysis in the morpho-yield evaluation of forage cactus intercropped with sorghum. Revista Brasileira de Engenharia Agrícola e Ambiental 24, 756-761. Jardim, A. M. R. F., Santos, H. R. B., Alves, H. K. M. N., Ferreira-Silva, S. L., Souza, L. S. B., Araújo Júnior, G. N., Souza, M. S., Araújo, G. G. L., Souza, C. A. A., Silva, T. G. F. (2021a). Genotypic differences relative photochemical activity, inorganic and organic solutes and yield performance in clones of the forage cactus under semi-arid environment. Plant Physiology and Biochemistry 162, 421-430. Jardim, A. M. da R. F., Silva, T. G. F., Souza, L. S. B., Araújo Júnior, G. do N., Alves, H. K. M. N., Souza, M. de S., Araújo, G. G. L., Moura, M. S. B. (2021b). Intercropping forage cactus and sorghum in a semi-arid environment improves biological efficiency and competitive ability through interspecific complementarity. Journal of Arid Environments, 188. Kim, H., Kim, J., & Lee, S. J. (2018). Fast and efficient water absorption material inspired by cactus root. ACS Macro Letters, 7(3), 387-394. Kögler, F., & Söffker, D. (2017). Water (stress) models and deficit irrigation: System-theoretical description and causality mapping. Ecological Modelling, 361, 135-156. Lacerda, F. F., Nobre, P., do Carmo Sobral, M., & Lopes, G. M. B. (2014). Alterações climáticas globais; uma realidade em Pernambuco. Anais da Academia Pernambucana de Ciência Agronômica, 11, 121-154. Laredo, R. R., Ramos, J. D., dos Santos, V. A., de Oliveira, E. R., Moraes, K. S., & Tostes, N. V. (2018). Desponte de Cladódios de Pitaia Vermelha de Polpa Branca. UNICIÊNCIAS, 22(1), 8-11. Leite, M. L. D. M. V., da Silva, D. S., de Andrade, A. P., Pereira, W. E., & RAMOS, J. P. D. F. (2014). Caracterização da produção de palma forrageira no cariri paraibano. Revista Caatinga, 27(2), 192-200.. Lima, C. I. S. D., Silva, F. D. D. S., Freitas, I. G. F. D., Pinto, D. D. C., Costa, R. L., Gomes, H. B., ... & Silva, B. K. D. N. (2020). Método Alternativo de Zoneamento Agroclimático do Milho para o Estado de Alagoas. Revista Brasileira de Meteorologia, 35(SPE), 1057-1067. Lopes, L. A., de Carvalho, F. F. R., Belo, A. M. D. C., Batista, Â. M. V., Camargo, K. S., da Silva, J. R. C., ... & Carvalho, C. C. D. (2019). Balanço hídrico e excreção renal de metabólitos em cabras leiteiras alimentadas com feno de alfafa e palma forrageira. Medicina Veterinária (UFRPE), 13(4), 583-590. Macêdo, A. J. S., Santos, E. M., de Oliveira, J. S., & Perazzo, A. F. (2017). Produção de silagem na forma de ração à base de palma: Revisão de Literatura. REDVET. Revista Electrónica de Veterinaria, 18(9), 1-11. Marcon Filho, J. L., Hipólito, J. D. S., Macedo, T. A. D., Kretzschmar, A. A., & Rufato, L. (2015). Raleio de cachos sobre o potencial enológico da uva'Cabernet Franc'em duas safras. Ciência Rural, 45(12), 2150-2156. Matos, F. S. (2020). Folha seca: introdução à fisiologia vegetal. Editora Appris. Melgar, B., Pereira, E., Oliveira, M. B. P., Garcia-Castello, E. M., Rodriguez-Lopez, A. D., Sokovic, M., ... & Ferreira, I. C. (2017). Extensive profiling of three varieties of Opuntia spp. fruit for innovative food ingredients. Food Research International, 101, 259-265. Moraes, F. (2017, 15 novembro) Mudanças do clima reduzem produção de alimentos. [Web page]. Disponível em http://www.oeco.org.br/noticias/28191-mudancas-do-clima-reduzem-producao-de-alimentos/ Morato, L. A. N., & Teixeira, R. M. (2010). Perfil e gestão de agroindústrias no semiárido sergipano. Organizações Rurais & Agroindustriais, 12(3), 355-369. Mostafa, H., El-Nady, R., Awad, M., & El-Ansary, M. (2018). Drip irrigation management for wheat under clay soil in arid conditions. Ecological Engineering, 121, 35-43. Moura, M. S. B., de Souza, L. S. B., IIS, S., & da Silva, T. G. F. (2011). Aptidão do Nordeste brasileiro ao cultivo da palma forrageira sob cenários de mudanças climáticas. In Embrapa Semiárido-Artigo em anais de congresso (ALICE). In: SIMPÓSIO DE MUDANÇAS CLIMÁTICAS E DESERTIFICAÇÃO NO SEMIÁRIDO BRASILEIRO, 3., 2011, Juazeiro. Experiências para mitigação e adaptação. Petrolina: Embrapa Semiárido. Nobel, P. S. 2001. Biologia ambiental. In: Barbera, G; Inglese, P.; Barros, E. P. Agroecologia, cultivo e usos da palma forrageira. João Pessoa: FAO, SEBRAE/PB. 36-48. Oliveira, F. T.; Souto, J. S.; Silva, R. P.; Andrade Filho, F. C.; Pereira Júnior, E.B. (2010). Palma forrageira: Adaptação e importância para os ecossistemas áridos e semiáridos. Revista Verde de Agroecologia e Desenvolvimento Sustentável, 5, 27-37. PBMC. (2013). Contribuição do Grupo de Trabalho 1 ao Primeiro Relatório de Avaliação Nacional do Painel Brasileiro de Mudanças Climáticas. Sumário Executivo GT1. PBMC, Rio de Janeiro, Brasil, 24. Pereira, J. D. S., Cavalcante, A. B., Nogueira, G. H. M. D. S. M. F., Campos, F. S., Araújo, G. G. L. D., Simões, W. L., & Voltolini, T. V. (2020). Morphological and yield responses of spineless cactus Orelha de Elefante Mexicana under different cutting intensities. Revista Brasileira de Saúde e Produção Animal, 21. Pezzopane, C. D. G., Santos, P. M., Cruz, P. G. D., Altoé, J., Ribeiro, F. A., & Valle, C. B. D. (2015). Estresse por deficiência hídrica em genótipos de Brachiaria brizantha. Ciência Rural, 45(5), 871-876. Pikart, F. C., & Mioto, P. T. Metabolismo ácido das crassuláceas: considerações ecofisiológicas e evolutivas. Laboratório de Ensino de Botânica, 138. Porto, E., Hermes, L., Ferreira, R., Veiga, H., & Saia, A. (2019). Agricultura biossalina: desafios e alternativas para o uso de águas salobras e salinas no semiárido brasileiro. Embrapa Meio Ambiente-Documentos (INFOTECA-E). Queiroz, M. G. D., da Silva, T. G., Zolnier, S., Silva, S., Lima, L. R., & Alves, J. D. O. (2015). Características morfofisiológicas e produtividade da palma forrageira em diferentes lâminas de irrigação. Revista Brasileira de Engenharia Agrícola e Ambiental, 19(10), 931-938. Queiroz, M. G., da Silva, T. G. F., Zolnier, S., Jardim, A. M. D. R. F., de Souza, C. A. A., Júnior, G. D. N. A., ... & de Souza, L. S. B. (2020). Spatial and temporal dynamics of soil moisture for surfaces with a change in land use in the semi-arid region of Brazil. Catena, 188, 104457. Rocha, R. S., Voltolini, T. V., & Gava, C. A. T. (2017). Características produtivas e estruturais de genótipos de palma forrageira irrigada em diferentes intervalos de corte. Archivos de zootecnia, 66(255), 365-373. Rogerio, M., Fernandes, F., Pompeu, R., Guedes, F., Alves, A., de Carvalho, W. F., ... & MEMÓRIA, H. D. Q. (2020). Potencial forrageiro da vegetação nativa da Caatinga para o pastejo de ovinos. Embrapa Caprinos e Ovinos-Documentos (INFOTECA-E). Santana, M. O. (2007). Atlas das áreas susceptíveis à desertificação do Brasil. Brasília: MMA/SRH/UFPB. Santos, N. S., de Sales Silva, J. C., Pereira, W. S., Melo, J. L. R., de Lima, K. V., Lima, D. O., ... & de Almeida, R. S. (2020). Crescimento da palma forrageira sob estresse salino e diferentes lâminas de irrigação. Revista Craibeiras de Agroecologia, 5(1), 9452. Santos, T. S.; Castro, A. A.; Silva, A. R. Queiroz, D. É.; Silva, T. G. F. (2017) Projeção da suscetibilidade a desertificação em Pernambuco utilizando o modelo HADGEM-ES (Projection of susceptibility to desertification in Pernambuco using the HADGEM-ES model). Revista Brasileira de Geografia Física. 10(4). 1170-1179. Santos, V. S. (2020, 14 julho). [Web page] Xilema e Floema. Disponível em: https://brasilescola.uol.com.br/biologia/xilema-floema.htm. Silva, C. C. F.; Santos, L. C. (2006). Palma forrageira (Opuntia ficus-indica Mill.) como alternativa na alimentação de ruminantes. Revista Eletrônica de Veterinária, 7(10), 1-13. Silva, T. G. F., Primo, J. T. A., de Morais, J. E. F., da Silva Diniz, W. J., de Souza, C. A. A., & da Conceição Silva, M. (2015). Crescimento e produtividade de clones de palma forrageira no semiárido e relações com variáveis meteorológicas. Revista Caatinga, 28(2), 10-18. Silva, T. G. F., Primo, J. T. A., Silva, S. M. S., Moura, M. S. B. D., Santos, D. C. D., Silva, M. D. C., & Araújo, J. E. M. (2014). Indicadores de eficiência do uso da água e de nutrientes de clones de palma forrageira em condições de sequeiro no Semiárido brasileiro. Bragantia, 73(2), 184-191. Silva, M. V., Pandorfi, H., Almeida, G. L. P., de Lima, R. P., Santos A., Jardim, A. M. R. F., da Silva, D.C. (2021) Spatio-temporal monitoring of soil and plant indicators under forage cactus cultivation by geoprocessing in Brazilian semi-arid region. Journal of South American Earth Sciences 107, 103155. Simões, W. L., Calgaro, M., GUIMARÃES, M. J., Oliveira, A. R. D., & Pinheiro, M. P. M. A. (2018). Sugarcane crops with controlled water deficit in the Sub-Middle São Francisco Valley, Brazil. Revista Caatinga, 31(4), 963-971. Sombra, K. E. S., Costa, A. C., Loureiro, F. L. C., & do Nascimento Uchôa, C. (2018). A citricultura como instrumento de preservação da agricultura familiar no semiárido cearense, Brasil. Revista de Extensão e Estudos Rurais, 7(1), 353-372. Souza Filho, P. F., Ribeiro, V. T., dos Santos, E. S., & de Macedo, G. R. (2016). Simultaneous saccharification and fermentation of cactus pear biomass—evaluation of using different pretreatments. Industrial Crops and Products, 89, 425-433. Streck, N. A., & Alberto, C. M. (2006). Estudo numérico do impacto da mudança climática sobre o rendimento de trigo, soja e milho. Pesquisa Agropecuária Brasileira, 41(9), 1351-1359. Taiz, L., Zeiger, E., Møller, I. M., & Murphy, A. (2017). Fisiologia e desenvolvimento vegetal. Artmed Editora. Takasago, M., da Cunha, C. A., & Olivier, A. K. G. (2017). Relevância da agropecuária brasileira: uma análise insumo-produto. Revista Espacios, 38(38). Vasconcelos, A. L. S., Pires, I. C., Ferrão, G. E., & NETO, M. S. (2019). Agricultura e gases de efeito estufa-estudos de casos no Brasil. Revista Trópica: Ciências Agrárias e Biológicas, 10(2). Vieira, E. L., de Souza, G. S., dos Santos, A. R., & dos Santos Silva, J. (2010). Manual de fisiologia vegetal. edufma. Vieira, E.L.; Batista, A.M.; Mustafa, A.F.; Araújo, R.F.S.; Soares, P.C.; Ortolane, E.L.; Mori, C.K. (2008). Effects of feeding high levels of cactus (Opuntia fícus-indica Mill) cladodes on urinary output and electrolyte excretion in goats. Livestock science, 114(2-3): 354-357. Vieira, V. P. P. B. (2002). Sustentabilidade do semiárido brasileiro: desafios e perspectivas. Revista Brasileira de Recursos Hídricos, 7(4), 105-112. Wang, Q., Huo, Z., Zhang, L., Wang, J., & Zhao, Y. (2016). Impact of saline water irrigation on water use efficiency and soil salt accumulation for spring maize in arid regions of China. Agricultural Water Management, 163, 125-138. Xue, J., Gui, D., Lei, J., Sun, H., Zeng, F., Mao, D., ... & Liu, Y. (2019). Oasification: An unable evasive process in fighting against desertification for the sustainable development of arid and semiarid regions of China. Catena, 179, 197-209. Zhang, H., & Flottmann, S. (2018). Source-sink manipulations indicate seed yield in canola is limited by source availability. European Journal of Agronomy, 96, 70-76.
 
Coverage


 
Rights Direitos autorais 2022 Revista Brasileira de Geografia Física
https://creativecommons.org/licenses/by/4.0
 

Contact Us

The PKP Index is an initiative of the Public Knowledge Project.

For PKP Publishing Services please use the PKP|PS contact form.

For support with PKP software we encourage users to consult our wiki for documentation and search our support forums.

For any other correspondence feel free to contact us using the PKP contact form.

Find Us

Twitter

Copyright © 2015-2018 Simon Fraser University Library