Uma Leitura ecossistêmica do conto Maria, da autora Conceição Evaristo

Ecolinguística: Revista brasileira de ecologia e linguagem

View Publication Info
 
 
Field Value
 
Title Uma Leitura ecossistêmica do conto Maria, da autora Conceição Evaristo
 
Creator Lima Luiz, Michelly Jacinto
Kioko Nakayama Nenoki do Couto, Elza
 
Description This article analyzes the short story Maria, by Conceição Evaristo, under the praxis of the Ecosystem Discourse Analysis, to observe how the racial prejudice discourse impels subjects to practice violence against the black population, in addition to determining how the Afro-Brazilian population I interacted socially. This story tells the story of the character Maria, a black woman, who lives in a slum, works as a domestic worker in the home of a high-income family. On the way home, after another day of work, he gets on a bus that is assaulted by his ex-partner, father of his first child and his great love, and dies, victim of lynching, as a result of a mistake. We used as a basis the theoretical current Analysis of the Ecosystem Discourse, postulated by Couto (2014), which embraces the concepts of valuing life and the fight against avoidable suffering, defending the ideology of life. Thus, it was noticed that this narrative highlights discrimination and prejudice against black people and disadvantaged economic class, in addition to focusing, through disharmonious interactions, the contempt and exclusion suffered by black people and women.
Este artigo analisa o conto Maria, de Conceição Evaristo, sob as práxis da Análise do Discurso Ecossistêmica, para observar como o discurso de preconceito racial impeli os sujeitos a praticarem violências contra a população negra, além de determinar a forma como a população afro-brasileira interagi socialmente. Este conto narra a história da personagem Maria, mulher negra, que vive em uma favela, trabalha como emprega doméstica na casa de uma família de alto poder aquisitivo. Na volta para casa, depois de mais um dia de trabalho, entra em um ônibus que é assaltado pelo seu ex-companheiro, pai de seu primeiro filho e seu grande amor, e morre, vítima de linchamento, em decorrência de um engano. Utilizamos como base a corrente teórica Análise do Discurso Ecossistêmica, postulada por Couto (2014), que abarca os conceitos de valorização da vida e a luta contra o sofrimento evitável, defendendo a ideologia da vida. Assim, percebeu-se que essa narrativa evidencia a discriminação e o preconceito contra as pessoas negras e de classe econômica desfavorecida, além de colocar em foco, por meio de interações desarmônicas, o desprezo e a exclusão sofridos pelas pessoas negras e do sexo feminino.
 
Publisher Programa de Pós-Graduação em Linguística (UnB-PPGL)
 
Date 2021-02-26
 
Type info:eu-repo/semantics/article
info:eu-repo/semantics/publishedVersion
 
Format application/pdf
 
Identifier https://periodicos.unb.br/index.php/erbel/article/view/35360
 
Source Ecolinguística: Revista brasileira de ecologia e linguagem (ECO-REBEL); Vol. 7 No. 1 (2021); 92-109
Ecolinguística: Revista brasileira de ecologia e linguagem (ECO-REBEL); v. 7 n. 1 (2021); 92-109
2447-7052
 
Language por
 
Relation https://periodicos.unb.br/index.php/erbel/article/view/35360/29030
 
Rights Copyright (c) 2021 Ecolinguística: Revista brasileira de ecologia e linguagem (ECO-REBEL)
http://creativecommons.org/licenses/by-nc-nd/4.0
 

Contact Us

The PKP Index is an initiative of the Public Knowledge Project.

For PKP Publishing Services please use the PKP|PS contact form.

For support with PKP software we encourage users to consult our wiki for documentation and search our support forums.

For any other correspondence feel free to contact us using the PKP contact form.

Find Us

Twitter

Copyright © 2015-2018 Simon Fraser University Library