Políticas educativas nos tempos actuais: desafios e paradoxos

Laplage em Revista

View Publication Info
 
 
Field Value
 
Title Políticas educativas nos tempos actuais: desafios e paradoxos
 
Creator Benavente, Ana
Correia, Sónia Vladimira
 
Subject Educação
Políticas. Educação. Sociedade de risco. Ciência pública. sociologia crítica.
Políticas educacionais
 
Description Este artigo propõe-se partilhar uma reflexão crítica sobre as políticas educativas na atualidade fundamentando tal reflexão na experiência vivida em organizações internacionais, no trabalho realizado em vários domínios da atividade académica e, evidentemente, em trabalhos de autores cujas publicações acompanhamos, com particular destaque para a nossa área de referência, a sociologia. Parece-nos ser de fundamental importância, para a análise das políticas educativas, a sua contextualização nas sociedades atuais e nas suas características. É tempo de resgatar as relações Educação (formal e não formal) e Sociedade. A transferência de centros de poder na definição de políticas educativas, entre o nível nacional e o global, com particular enfoque para o papel de organismos internacionais, os desafios da educação na atualidade e realidades desencontradas que nos interpelam, estarão no centro deste texto. Vivemos tempos incertos que nos suscitam muitas questões críticas.  Centramo-nos nas que estão ao nosso alcance e  profissional.  
 
Publisher UFSCAR - Campus Sorocaba
 
Contributor
 
Date 2020-04-21
 
Type info:eu-repo/semantics/article
info:eu-repo/semantics/publishedVersion


 
Format application/pdf
 
Identifier http://www.laplageemrevista.ufscar.br/index.php/lpg/article/view/853
10.24115/S2446-6220202062853p.
 
Source Laplage em Revista; v. 6, n. 2 (2020): MAI./AUGUST - POLÍTICAS EDUCATIVAS EN EL TIEMPO ACTUAL: NECESIDADES Y SOLICITUDES; p.7-18
2446-6220
10.24115/S2446-6220202062
 
Language por
 
Relation http://www.laplageemrevista.ufscar.br/index.php/lpg/article/view/853/1037
/*ref*/AMARO, S.; RAMOS, A.; OSÓRIO, A. Os meninos à volta do computador: a aprendizagem colaborativa na era digital. Eduser - Revista De Educação, v.1, n.1, p.112-121, 2016. Disponível em: https://pdfs.semanticscholar.org/477b/3c31f560bab8253fc9de3a9398a65bc16ce9.pdf. Acesso em: 20 jan. 2020. ANÍBAL, A. Aprender com a vida: aquisição de competências de literacia em contextos informais. Tese de Doutoramento. Lisboa: ISCTE-IUL, 2014. Disponível em: https://repositorio.iscte-iul.pt/bitstream/10071/8889/3/TESE%20Alexandra%20Anibal.pdf. Acesso em: 20 jan. 2020. BECK, U.; GIDDENS, A.; LASH, S., Modernização Reflexiva. Política, tradição e Estética no Mundo Moderno, Oeiras: Celta Editora, 2000. BENAVENTE, A., et al. O estado da educação num Estado intervencionado. (Observatório das Políticas de Educação e Formação). Coimbra: CES, UC., CeiED, ULHT, 2014. Disponível em: https://www.researchgate.net/publication/313633615_O_estado_da_educacao_num_estado_intervencionado. Acesso em: 20 fev.2020. BENAVENTE, A., MELO, A. A educação permanente, manifesto olítico nas encruzilhadas da humanidade: um desafio actual. In: BRENNAND, E., BENAVENTE, A., QUEIROZ, S. (Org.), Espaços-mundo e educação, desafios no Brasil e em Portugal, João Pessoa: Editora da UFPB, 2014. p. 13-25. BENAVENTE, A., ANÍBAL, G. Para uma escola com sentido: de Gutemberg a Google In: BRENNAND, E., BENAVENTE, A., QUEIROZ, S. (Org.), Espaços-mundo e educação, desafios no Brasil e em Portugal, João Pessoa: Editora da UFPB, 2014. p.219-235. BENAVENTE, A., Globalização, resistência e regulação. Notas para debate. In: CASA-NOVA, M. et.al. (eds). Cientistas Sociais e Responsabilidade Social no mundo Actual. Famalicão: Edições Húmus, 2012. p.69-80. BERNSTEIN, B.; MANZANO, P. La estructura del discurso pedagógico. Clases, códigos y control. Madrid: Ediciones Morata, 1993 BOURDIEU, P. L’École conservatrice: Les inégalités devant l'école et devant la culture Revue Française de Sociologie, p.325-347, 1966. Disponível em: https://www.jstor.org/stable/3319132?seq=1. Acesso em: f20 ev. 2020. BOURDIEU, P.; PASSERON, J.C. Os herdeiros: os estudantes e a cultura. Florianópolis: Editora da UFSC, 2014. BRENNAND, E., BENAVENTE, A., QUEIROZ, S. (Org.), Espaços-mundo e educação, desafios no Brasil e em Portugal, João Pessoa: Editora da UFPB, 2014 BURAWOY, M., For Public Sociology, American Sociological Review, v.70, p.4-28, 2005. Disponível em: https://journals.sagepub.com/doi/pdf/10.1177/000312240507000102. Acesso em: 20 fev. 2020. BURAWOY, M., The Public Sociology Wars. In: JEFFRIES, V. (Ed.). Handbook of Public Sociology, Rowman & Litttlefield Publishers, INC, 2009, p.449-473. CARMO, R., M., CANTANTE, F. Desigualdades e Redistribuição em Portugal. In: BRENNAND, E., BENAVENTE, A., QUEIROZ, S. (Org.), Espaços-mundo e educação, desafios no Brasil e em Portugal, João Pessoa: Editora da UFPB, 2014. p. 179-196. CARMO, R. M., et al. (eds.). Desigualdades Sociais: Portugal e a Europa. Editora Mundos Sociais, 2018. Disponível em: https://www.researchgate.net/profile/Joao_Sebastiao/publication/337161046_Desigualdades_e_politicas_educativas_Portugal_no_contexto_europeu/links/5dc93f13a6fdcc57503e5bf2/Desigualdades-e-politicas-educativas-Portugal-no-contexto-europeu.pdf. Acesso em: 20 fev. 2020. CASA-NOVA, M. et.al. (eds). Cientistas Sociais e Responsabilidade Social no mundo Actual. Famalicão: Edições Húmus, 2012. CAVACO, C. Adultos pouco escolarizados: diversidade e interdependência de lógicas de formação. Tese de Doutoramento Faculdade de Psicologia e de Ciências da Educação, Universidade de Lisboa, Lisboa, 2009.Disponível em: https://repositorio.ul.pt/bitstream/10451/972/1/17505_ulsd_re286_TD_Carmen_Cavaco3.pdf. Acesso em: 20 fev. 2020. CHOMSKY, N., Comprendre le pouvoir. Bruxelles: Editions Aden, 2011. CHOMSKY, N. Os Senhores do Mundo. Lisboa: Editora Bertrand. 2016. CHOMSKY, N.; REYNOLDS, L., The responsibilities of privilege: An interview with Noam Chomsky on the role of the public intellectual. International Journal of Politics, Culture, and Society, v. 29, n.1, p. 103-108, 2016. Disponível em: https://link.springer.com/article/10.1007/s10767-015-9206-2. Acesso em: 20 fev. 2020. ENGUITA, M. F. La nueva educación, Cuaderno de Campo. Disponível em: https://blog.enguita.info/ (no prelo). Acesso em: 20 fev.2020. FLEURY, C., La fin du courage, Paris: Fayard, 2010. GREK, S. Governing by numbers: the PISA 'effect' in Europe. Journal of Education Policy, 24,1, p. 23-37, 2009. Disponível em: https://www.tandfonline.com/doi/full/10.1080/02680930802412669?scroll=top&needAccess=true. Acesso em: 20 fev. 2020. GIDDENS, A. Runaway world: How globalization is reshaping our lives. United Kingdom: Taylor & Francis, 2003. HALIMI, S. Les nouveaux chiens de gardes. Paris: Raisons d’agir, 2005. LOPES, J.T. Da especificidade da sociologia na transformação do mundo, In: CASA-NOVA, M. et.al. (eds). Cientistas Sociais e Responsabilidade Social no mundo Actual. Famalicão: Edições Húmus, 2012. p.25-34. MELO, A. Passagens e Revoltas (1970-2012). Lisboa: Associação In Loco, 2011. MORIN, E. Les Sept savoirs necessaires à l´´education du futur. Paris: Le Seuil, 2000. OCDE. The future of education and skills, Eduaction, 2030. Paris: OECD Publishing, 2018. OECD. PISA 2018 Results (Volume I, II, III): What Students Know and Can Do, PISA, OECD Publishing, Paris, 2019. Disponível em: https://doi.org/10.1787/5f07c754-en. e https://www.oecd.org/pisa/. Acesso em: 20 fev.2020. PRIGOGINE, I.; STENGERS, I. The end of certainty. Nueva York: Simon and Schuster, 1997. SERRES, M. Petite Poucette. Paris: Le Pommier Collection Manifestes, 2012. TEODORO, A. Governando por números: os grandes inquéritos estatísticos internacionais e a construção de uma agenda global nas políticas de educação. Em Aberto, n. 29, v.96, p. 41-52, 2016. Disponível em: http://rbepold.inep.gov.br/index.php/emaberto/article/view/2600/2596. Acesso em: 20 fev. 2020. TEODORO, A. Globalização e educação: políticas educacionais e novos modos de governação. Porto: Edições Afrontamento, 2003. TEODORO, A. Contesting the Global Development of Sustainable and Inclusive Education: Education Reform and the Challenges of Neoliberal Globalization, Londres: Routledge, 2020. TOURAINE, A. Après la crise. Paris: Seuil, 2010. YOUNG, M. Sociologia e Sociologia da Educação: O radical caso da disciplinaridade. In: CASA-NOVA, M. et.al. (eds). Cientistas Sociais e Responsabilidade Social no mundo Actual. Famalicão: Edições Húmus, 2012. p.35-48.
 
Coverage Portugal
Século XXI

 
Rights Direitos autorais 2020 Laplage em Revista
https://creativecommons.org/licenses/by-nc-sa/4.0
 

Contact Us

The PKP Index is an initiative of the Public Knowledge Project.

For PKP Publishing Services please use the PKP|PS contact form.

For support with PKP software we encourage users to consult our wiki for documentation and search our support forums.

For any other correspondence feel free to contact us using the PKP contact form.

Find Us

Twitter

Copyright © 2015-2018 Simon Fraser University Library