A vivência da fé nos personagens de Hibisco Roxo, de Chimamanda Ngozi Adichie

Revista Sítio Novo

View Publication Info
 
 
Field Value
 
Title A vivência da fé nos personagens de Hibisco Roxo, de Chimamanda Ngozi Adichie
 
Creator Santiago Carvalho, Mariana Antônia
da Silva Santiago, Francisco Célio
 
Description O presente trabalho objetiva uma análise dos elementos religiosos que norteiam e servem como mecanismos temporais no romance Hibisco Roxo (2011), da nigeriana Chimamanda Ngozi Adichie. Publicado em 2003, o primeiro romance da autora aborda um núcleo familiar permeado pela violência doméstica que se utiliza do pretexto religioso como uma das maneiras de infligir agressões. O personagem Eugene tenta seguir com rigor os preceitos católicos e a cultura inglesa e, quando seus familiares não os executam com perfeição, provoca-lhe uma ira que o faz optar por violentá-los com agressões físicas. Em contrapartida, há o seu pai, Papa-Nnukwu, um ancião tradicionalista que não permite interferências em seus costumes igbos; e Tia Ifeoma, que consegue transitar pelas duas religiões – tradicional e católica – e extrair o que de melhor elas podem oferecer. Utilizaremos os estudos de Hall (2003), Bonnici (2009) e Said (2007) sobre o choque cultural de culturas diferentes e a imposição da metrópole sobre a colônia, visto que a Nigéria foi por muito tempo colônia inglesa. Sobre o elemento das aparições de Nossa Senhora na narrativa, utilizaremos as ideias de Boff (2006) sobre o papel de Maria como elemento nacional e suas aparições como fomentadora da religiosidade popular.Palavras-chave: Chimamanda Ngozi Adichie. Hibisco Roxo. Intolerância religiosa. Violência doméstica.
 
Publisher Revista Sítio Novo
 
Contributor CAPES
FUNCAP
Padre Aurélio Pinto de Sousa.
 
Date 2020-01-06
 
Type info:eu-repo/semantics/article
info:eu-repo/semantics/publishedVersion

 
Format application/pdf
 
Identifier http://sitionovo.ifto.edu.br/index.php/sitionovo/article/view/377
 
Source Revista Sítio Novo; v. 4, n. 1: jan./mar. 2020; 153-161
2594-7036
 
Language por
 
Relation http://sitionovo.ifto.edu.br/index.php/sitionovo/article/view/377/124
http://sitionovo.ifto.edu.br/index.php/sitionovo/article/downloadSuppFile/377/260
/*ref*/ADICHIE, Chimamanda Ngozi. Hibisco Roxo. Tradução: Julia Romeu. São Paulo: Companhia das Letras, 2011.
/*ref*/ADICHIE, Chimamanda Ngozi. Para educar crianças feministas: um manifesto. Tradução: Denise Bottmann. São Paulo: Companhia das Letras, 2017.
/*ref*/BOFF, Clodovis M. Mariologia social: o significado da Virgem para a Sociedade. São Paulo: Paulus, 2006.
/*ref*/BONNICI, Thomas (org.). Resistência e intervenção nas literaturas pós-coloniais. Maringá: Eduem, 2009.
/*ref*/FANON. Frantz. Pele negra, máscaras brancas. Tradução: Renato da Silveira. Salvador: EDUFBA, 2008.
/*ref*/HALL, Stuart. A identidade cultural na pós-modernidade. Tradução: Tomaz Tadeu da Silva, Guacira Lopes Louro. 11. ed. Rio de janeiro: DP&A, 2003.
/*ref*/MATTA, Inocência. Estudos pós-coloniais: desconstruindo genealogias eurocêntricas. Civitas. Porto Alegre, v. 14, n. 1, p. 27-42, jan.-abr. 2014..
/*ref*/REIS, Eliana Lourenço de Lima. Pós-colonialismo, identidade e mestiçagem cultural: a literatura de Wole Soyinka. Belo Horizonte: Editora UFMG, 2011.
/*ref*/SAID, Edward W. Orientalismo: o Oriente como a invenção do Ocidente. Tradução: Rosaura Eichenberg. São Paulo: Companhia das Letras, 2007.
/*ref*/SHOHAT, E; STAM, R. Crítica da imagem eurocêntrica: multiculturalismo e representação. Tradução. Marcos Soares. São Paulo: Cosac Naify, 2006.
 
Rights Direitos autorais 2020 Revista Sítio Novo
 

Contact Us

The PKP Index is an initiative of the Public Knowledge Project.

For PKP Publishing Services please use the PKP|PS contact form.

For support with PKP software we encourage users to consult our wiki for documentation and search our support forums.

For any other correspondence feel free to contact us using the PKP contact form.

Find Us

Twitter

Copyright © 2015-2018 Simon Fraser University Library