GREEN INFRASTRUCTURE STUDY OF THE HYDROGRAPHIC BASIN OF MONJOLINHO STREAM, IN SÃO CARLOS CITY, SP

Revista LABVERDE

View Publication Info
 
 
Field Value
 
Title GREEN INFRASTRUCTURE STUDY OF THE HYDROGRAPHIC BASIN OF MONJOLINHO STREAM, IN SÃO CARLOS CITY, SP
ESTUDO DE INFRAESTRUTURA VERDE NA BACIA HIDROGRÁFICA DO CÓRREGO MONJOLINHO, SÃO CARLOS, SP
 
Creator Lima, Maria Cecilia Pedro Bom de
Schenk, Luciana Bongiovanni Martins
 
Subject River Basin; Green Infrastructure; Open Spaces; Urban Form; Water Supply Network
bacia hidrográfica; infraestrutura verde; espaços livres; forma urbana; rede hídrica
 
Description This article presents a study about the relationship between rivers and cities, trying to identify logics and agents involved and the repercussions in the daily life of São Carlos City, a medium-sized town located in the countryside of São Paulo State. Based on the idea of a hydrographic basin as a territorial and project unit, the study seeks to explore possibilities of establishing green infrastructure in the hydrographic sub-basin of the Monjolinho Stream, from the context of that water supply network. The perspective emphasizes the relationship between green infrastructure and the promotion of sociability in a System of Open Spaces: a potential dialogue between natural and urban processes. The development of the article is split into 4 parts: the first deals with the history of urban occupation of the focused sub-basin, identifying values that guided the process of building  the urban form and the relationship between its watercourses and the city; the second part focuses the moment the insertion of socio-environmental issues began in the planning of the city during the first decade of 2000, indicating city’s production logics that diverged from the prevailing situation; the third part promotes an understanding about the potentialities of installing green infrastructure, aiming to evaluate different qualities of spaces; the fourth part presents the concluding considerations on the subject in focus.
Este artigo apresenta um estudo sobre a relação entre rios e cidades, procurando identificar lógicas e agentes envolvidos e as repercussões no cotidiano de São Carlos, cidade de médio porte localizada no interior do estado de São Paulo. Norteado pela ideia de bacia hidrográfica como unidade territorial e de projeto, este estudo busca explorar possibilidades do estabelecimento de infraestrutura verde na sub-bacia hidrográfica do Córrego Monjolinho, a partir do contexto dessa rede hídrica. A perspectiva enfatiza a relação entre infraestrutura verde e a promoção de sociabilidades em um Sistema de Espaços Livres: um potencial diálogo entre processos naturais e processos urbanos. O desenvolvimento do artigo segue 4 partes: a primeira trata do histórico de ocupação urbana da sub-bacia estudada, identificando valores que orientaram o processo de construção da forma urbana e da relação entre seus cursos d’água e a cidade; a segunda parte discorre sobre o momento em que se iniciou a inserção de questões socioambientais no planejamento da referida cidade na década de 2000, indicando lógicas de produção da cidade que divergiram do quadro predominante; a terceira parte promove uma leitura acerca das potencialidades de instalação de infraestrutura verde, procurando avaliar diferentes qualidades espaciais; a quarta parte apresenta as considerações finais sobre o tema abordado.
 
Publisher Universidade de São Paulo. Faculdade de Arquitetura e Urbanismo
 
Contributor
CAPES
 
Date 2018-04-10
 
Type info:eu-repo/semantics/article
info:eu-repo/semantics/publishedVersion


 
Format application/pdf
 
Identifier http://www.revistas.usp.br/revistalabverde/article/view/133802
10.11606/issn.2179-2275.v9i1p50-72
 
Source Revista LABVERDE; v. 9, n. 1 (2018): METODOLOGIAS DE REQUALIFICAÇÃO DA PAISAGEM URBANA; 50-72
2179-2275
 
Language por
 
Relation http://www.revistas.usp.br/revistalabverde/article/view/133802/139287
/*ref*/GORSKI, Maria Cecília B. Rios e cidades: ruptura e reconciliação. São Paulo: Senac, 2010.
/*ref*/HERZOG, Cecília P. Cidade para todos. Rio de Janeiro: Mauad X: Inverde, 2013.
/*ref*/HERZOG, Cecília P.; ROSA, Lourdes, Z. Infraestrutura verde: sustentabilidade e resiliência para a paisagem urbana. Revista Labverde, São Paulo, ed. 01, p. 91 – 115, 2010.
/*ref*/LIMA, Renata. P. O Processo e o (des)controle da expansão urbana de São Carlos (1857 -1977). Dissertação de Mestrado. São Carlos: EESC, 2007.
/*ref*/PELLEGRINO, Paulo R. M. et al. A paisagem da borda: uma estratégia para a condução das águas, da biodiversidade e das pessoas. In COSTA, Lucia Maria Sá Antunes (Org.). Rios e paisagens urbanas em cidades brasileiras. Rio de Janeiro: Viana & Mosley: PROURB, 2006, p. 57-76.
/*ref*/SÃO CARLOS/FUSP. Revisão do Plano Diretor do Município de São Carlos. Produto 4. Propostas para a revisão do Plano Diretor do Município de São Carlos. Contrato nº40/11 ‐ PMSC/FUSP. São Carlos, 2011.
 
Rights Direitos autorais 2018 Maria Cecilia Pedro Bom de Lima, Luciana Bongiovanni Martins Schenk
http://creativecommons.org/licenses/by-nc-sa/4.0
 

Contact Us

The PKP Index is an initiative of the Public Knowledge Project.

For PKP Publishing Services please use the PKP|PS contact form.

For support with PKP software we encourage users to consult our wiki for documentation and search our support forums.

For any other correspondence feel free to contact us using the PKP contact form.

Find Us

Twitter

Copyright © 2015-2018 Simon Fraser University Library