Literatura modernista e literatura periférica: engajamentos intelectuais de representação e autorrepresentação

Arredia

View Publication Info
 
 
Field Value
 
Title Literatura modernista e literatura periférica: engajamentos intelectuais de representação e autorrepresentação
Modernist literature and peripheral literature: intelectual engagements of representation and self-representation
 
Creator Oliveira, Cleber José de
 
Subject Discurso literário. Contemporaneidade. Intelectual periférico. Representação. Autorrepresentação.
Literary discourse. Contemporaneity. Intellectual peripheral. Representation. Self-representation.
 
Description A Literatura Periférica (conhecida também como Vira-lata ou Marginal) é uma manifestação quase que exclusivamente produzida por escritores oriundos de periferias urbanas dos grandes centros. Partindo desse pressuposto, o presente trabalho busca descortinar como se manifestam às relações de representação e autorrepresentação nessa forma de narrativa em paralelo aos moldes utilizados pelos modernistas. Entende-se aqui que essa nova manifestação literária colide com a chamada Tradição Modernista, onde autores como Graciliano Ramos, Clarice Lispector, João Cabral, Guimarães Rosa, entre outros, pertencentes a classes sociais altamente letradas produziram uma literatura que tomou para si a função de representar as classes marginalizadas sobretudo o nordestino, o sertanejo e o negro favelado). Com o espraiamento dessa tradição, a função que desempenhava seus intelectuais (o de representante das classes subalternas) fica vaga. Isso é o norteador da hipótese principal aqui levantada, a saber: essa função, que por muito tempo foi desempenhada pelos intelectuais modernista, e, agora, reivindicada e tomada por indivíduos oriundos das margens sociais (o intelectual periférico), porém com diferentes intenções.
In the last four decades the Brazilian sociopolitical context has generated a literary manifestation, self-described as peripheral literature. Almost exclusively produced by writers from urban outskirts of major centers. Based on this assumption, the present work seeks to unveil how they manifest themselves to the relations of representation and self-representation in this form of narrative, to the detriment of the mode of representation used by the modernists. It is understood here that this new literary manifestation collides with the so-called Modernist Tradition, belonging to highly literate social classes produced a literature that took the function of Represent the marginalized classes (mainly the northeastern, the sertanejo and the black favelado). He did this through a discourse in the mouth of subalternly characterized characters (possibly a consequence of nonliteracy as soon as non-literacy), as Fabiano of Dry Lives (1938); Severino, of Death and Vida Severina (1955-6) and Riobaldo, of Grande Sertão: Veredas (1956). In this sense, this is the guiding principle of the main hypothesis raised here it is this function, which for a long time was performed by the modernist intellectuals, is now claimed and taken by individuals from the social margins (the marginal intellectual), but with different intentions.
 
Publisher Universidade Federal da Grande Dourados
 
Contributor

 
Date 2017-06-10
 
Type info:eu-repo/semantics/article
info:eu-repo/semantics/publishedVersion

 
Format application/pdf
 
Identifier https://ojs.ufgd.edu.br/index.php/arredia/article/view/6121
10.30612/arredia.v6i10.6121
 
Source ArReDia; v. 6, n. 10 (2017); 43 - 57
2316-6169
 
Language por
 
Relation https://ojs.ufgd.edu.br/index.php/arredia/article/view/6121/3915
/*ref*/BAKHTIN, Mikhail. Marxismo e filosofia da linguagem: problemas fundamentais do método sociológico na ciência da língua. 10 ed. São Paulo: Hucitec, 2004.
/*ref*/________________. Estética da Criação Verbal. São Paulo: Martins Fontes, 2011
/*ref*/BOSI, Alfredo. História Concisa da Literatura Brasileira. 49 ed. São Paulo: Cultrix 2013.
/*ref*/CANDIDO, Antonio. Formação da Literatura Brasileira: momentos decisivos. São Paulo; Rio de Janeiro: FAPESP: Ouro sobre Azul, 2009.
/*ref*/________________. A Revolução de 1930 e a Cultura. In: CANDIDO, Antonio. A educação pela Noite e Outros Ensaios. São Paulo: Ática, 2006.
/*ref*/_________________. Ficção e confissão: Ensaios sobre Graciliano Ramos. 3 ed. Rio de Janeiro: FAPESP: Ouro sobre Azul, 2006.
/*ref*/__________________.Literatura e sociedade. 8 ed. São Paulo: T. A. Queiroz; Publifolha, 2000.
/*ref*/__________________. Presença da Literatura Brasileira: história e antologia. Rio de Janeiro: Bertrand Brasil, 2001.
/*ref*/DALCASTAGNE, Regina. “Uma voz ao sol: representação e legitimidade na narrativa brasileira contemporânea”. Estudos de Literatura Brasileira Contemporânea. Brasília, julho/agosto de 2002, pp. 33-87.
/*ref*/_____________________. Literatura brasileira contemporânea: um território contestado. Vinhedo. Ed. Horizonte, 2012.
/*ref*/FERRÉZ: Cronista de um tempo ruim. São Paulo: Literatura Marginal, 2009.
/*ref*/________. Literatura marginal. São Paulo: Agir, 2005.
/*ref*/________. Ninguém é Inocente em São Paulo. Objetiva, 2006.
/*ref*/SARLO, Beatriz. Cenas da vida pós-moderna. Rio de Janeiro: UFRJ, 2000. FOUCAULT, Michel. A Ordem do Discurso. São Paulo: Edições Loyola, 1996.
/*ref*/_________________. Microfísica do poder. Rio de Janeiro: Graal, 1999. GRAMSCI, Antonio. Os intelectuais e a organização da cultura. Rio de Janeiro: Civilização Brasileira, 1995.
/*ref*/HALL, Stuart. A identidade Cultural na pós-modernidade. 2° ed. Rio de Janeiro:DP&A, 1998.
/*ref*/CURY, Zilda Ferreira; WALTY, Ivete Lara Camargos.Intelectuais e vida pública: migrações e mediações/ Maria Zilda Ferreira Cury, Ivete Lara Camargos Walty - org. Belo Horizonte: Faculdade de Letras da UFMG, 2008.
/*ref*/SAID, Edward W. Representações do intelectual: as conferências Reith de 1993. São Paulo: Companhia das Letras, 2005.
/*ref*/SPIVAK, Gayatri C. Pode o subalterno falar? Minas Gerais: EditoraUFMG, 2010.
 
Rights Direitos autorais 2017 ArReDia
 

Contact Us

The PKP Index is an initiative of the Public Knowledge Project.

For PKP Publishing Services please use the PKP|PS contact form.

For support with PKP software we encourage users to consult our wiki for documentation and search our support forums.

For any other correspondence feel free to contact us using the PKP contact form.

Find Us

Twitter

Copyright © 2015-2018 Simon Fraser University Library