GREEN INFRASTRUCTURE CORRIDOR: BICYCLE ROUTE AS CONNECTION BETWEEN PARKS DO POVO AND IBIRAPUERA

Revista LABVERDE

View Publication Info
 
 
Field Value
 
Title GREEN INFRASTRUCTURE CORRIDOR: BICYCLE ROUTE AS CONNECTION BETWEEN PARKS DO POVO AND IBIRAPUERA
CORREDOR DE INFRAESTRUTURA VERDE: ROTA CICLOVIÁRIA COMO CONEXÃO ENTRE PARQUE DO POVO – IBIRAPUERA
 
Creator Maruyama, Cintia Miua
Leite, Laís Padilha
Deus, Lívia Borges Dualibe de
 
Subject Infraestrutura Verde; ciclovia; melhores práticas de manejo das águas da chuva; arborização; segurança viária
green infrastructure; bicycle path; best practices for rainwater management; urban afforestation; road safety
 
Description The Green Infrastructure is an alternative to cities with traditional urbanization. Among all the benefits, this planning approach deals with the insertion of non-motorized transportation means. The hypothesis taken for the present analysis was based on the possibility of implementation, with the necessary adaptions, of a Green Infrastructure of a cycling route that could interconnect Parque do Povo to Parque do Ibirapuera, in São Paulo City. It was a qualitative-quantitative work where the existing infrastructure was identified and proposals based on the concepts studied were drawn up. The research method analyzed road safety parameters with vehicles counting and the speed difference between cars and bicycles. Among the results, it was highlighted the need to improve the urban afforestation, implantation of bicycle paths in stretches where exists just operational paths, the introduction of rain beds and bio-ditches. It was also concluded that would be desirable to expand the widths of existing sidewalks and bicycle paths.
A Infraestrutura Verde é uma alternativa para cidades com urbanização tradicional, dentre todos os benefícios, essa abordagem de planejamento trata da inserção de transportes modais não motorizados. A hipótese da presente pesquisa baseou-se na possibilidade de implantação da Infraestrutura Verde, no município de São Paulo, em uma rota cicloviária que interligasse os Parque do Povo ao Ibirapuera com as devidas adequações. Tratou-se de um trabalho quali-quantitativo onde se identificou a infraestrutura existente e foram elaboradas propostas baseadas nos conceitos estudados. O método da pesquisa discorreu sobre parâmetros de segurança viária com contagem veicular e diferença da velocidade entre automóvel e bicicleta. Dentre os resultados, destacou-se a necessidade de melhoria da arborização, implantação de ciclovias em trechos onde há ciclofaixa operacional, introdução de canteiros pluviais e biovaletas. Concluiu-se ainda ser desejável expandir as larguras de calçadas e ciclovias existentes de várias vias.
 
Publisher Universidade de São Paulo. Faculdade de Arquitetura e Urbanismo
 
Contributor

 
Date 2017-07-11
 
Type info:eu-repo/semantics/article
info:eu-repo/semantics/publishedVersion


 
Format application/pdf
 
Identifier http://www.revistas.usp.br/revistalabverde/article/view/122463
10.11606/issn.2179-2275.v8i1p65-90
 
Source Revista LABVERDE; v. 8, n. 1 (2017): MÚLTIPLAS APLICAÇÕES DE INFRAESTRUTURA VERDE; 65-90
2179-2275
 
Language por
 
Relation http://www.revistas.usp.br/revistalabverde/article/view/122463/130122
/*ref*/AHERN, J.; PELLEGRINO, P.; BECKER, N. Infraestrutura verde desempenho, estética, custos e método. In: Lucia Maria Sá Antunes Costa; Denise Barcellos Pinheiro Machado (org.). Conectividade e resiliência: estratégias de projeto para a metrópole. Rio de Janeiro. Rio Books: PROURB, 2012.
/*ref*/ANTP – Associação Nacional de Transportes Públicos. Transporte Cicloviário. Volume 7 – Série Cadernos Técnicos. 2007
/*ref*/ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE NORMAS TÉCNICAS. NBR 9050 – Acessibilidade a edificações, mobiliário, espaços e equipamentos urbanos. Rio de Janeiro, 2004.
/*ref*/CITY OF PORTLAND. Stormwater Management Manual. August, 2016. Disponível em: < https://www.portlandoregon.gov/bes/64040 >. Acesso em: 07/03/17
/*ref*/COMPANHIA DE ENGENHARIA DE TRÁFEGO – CET. Boletim Técnico nº 31. Pesquisa e Levantamentos de Tráfego. São Paulo, 184p., 1982.
/*ref*/CORMIER, Nathaniel S; PELLEGRINO, Renato M. Infraestrutura verde: uma estratégia paisagística para a água urbana. Paisagem e Ambiente: ensaios, São Paulo, v. 25, p. 127-142, 2008.
/*ref*/GEIPOT – Empresa Brasileira de Planejamento de Transportes. Manual de Planejamento Cicloviário. Brasília, 2001.
/*ref*/GONDIM, Monica Fiuza. Ciclovias. Caderno de desenho, Rio de Janeiro, 2010. Disponível em: <http://www.solucoesparacidades.com.br/wpcontent/uploads/2010/01/24%20%20BRASIL_Caderno%20de%20Desenho_Ciclovias.pdf>. Acesso em: 11 nov. 2016.
/*ref*/HERZOG, C. P. Infraestrutura verde: sustentabilidade e resiliência para a paisagem urbana. Revista Labverde nº 1, pp. 92 – 115, 2010.
/*ref*/­­_______________. Seção IV: Ambiente construído. Infra-estrutura verde para cidades mais sustentáveis. Secretaria do Ambiente. 2010.
/*ref*/MARUYAMA, C. M. Análise de eixos viários na perspectiva do uso da bicicleta: o caso de Chapecó – SC. 2013. 172 f. Dissertacão (Mestrado em engenharia urbana) – Universidade Estadual de Maringá, Santa Catarina, 2013.
/*ref*/MARUYAMA, C.M.; SIMÕES, F. A. Arborização urbana e transporte cicloviário: o caso de Chapecó, SC. Revista dos Transportes Públicos - ANTP, ano 36, 2º quadrimestre, 2014.
/*ref*/MASCARÓ, J. L. Loteamentos Urbanos. 2º ed. Porto Alegre: Masquatro Editora, 2005.
/*ref*/MINISTÉRIO DAS CIDADES. Coleção bicicleta Brasil: Programa Brasileiro de Mobilidade por Bicicleta. Ministério das Cidades: Brasília, 2007.
/*ref*/MOURA, N. C. B. Biorretenção tecnologia ambiental urbana para o manejo das águas da chuva. [s.l.] Tese (doutorado). Faculdade de Arquitetura e Urbanismo, Universidade de São Paulo, 2013.
/*ref*/PORTLAND, city. Stormwater Management Manual. 502p. 2016. Disponível em <https://www.portlandoregon.gov/bes/64040>
/*ref*/SKANSI, M.M. et al. Warming and wetting signals emerging from analysis of changes in climate extreme indices over South America. Global and Planetary Change, v. 100, p. 295- 307, 2013.
/*ref*/SORTON, A.; WASH, T. Bicycle stress level as a tool to evaluate urban and suburban bicycle compatibility. Transportation Research Record, 1438, p. 17-24, 1994.
/*ref*/SUZUKI, Carlos Yukio; AZEVEDO, Angela Martins; KABBACH, Felipe Issa Kabbach Júnior. Drenagem subsuperficial de pavimentos. Conceitos e dimensionamento. Oficina de Textos. São Paulo, 2014. 1º edição.
/*ref*/TUCCI, C.E.M; ORSINI, L. F. Águas urbanas no Brasil: cenário atual e desenvolvimento sustentável. In: Brasil. Secretaria Nacional de Saneamento Ambiental. Gestão do território e manejo integrado das águas urbanas. Brasília: Ministério das Cidades, 2005.
 
Rights Direitos autorais 2017 Revista LABVERDE
 

Contact Us

The PKP Index is an initiative of the Public Knowledge Project.

For PKP Publishing Services please use the PKP|PS contact form.

For support with PKP software we encourage users to consult our wiki for documentation and search our support forums.

For any other correspondence feel free to contact us using the PKP contact form.

Find Us

Twitter

Copyright © 2015-2018 Simon Fraser University Library