O trauma do Tronco: A filosofia míope no espelho

Ítaca

View Publication Info
 
 
Field Value
 
Title O trauma do Tronco: A filosofia míope no espelho
 
Creator Silva, Wallace Lopes
 
Subject Ciências Humanas, Filosofia, Educação
Cidade, espaço, corpo, medo, território e trauma do tronco
 
Description O que move este ensaio de pensamento é a tentativa de repensar as feridas estruturais na constituição do imaginário do medo projetado na instauração animalizada do constructo do corpo negro escravizado por teorias raciais e racializantes. Tal questão ensaística, focará o racismo na condição espacial enquanto conduta pedagógica e reprodutora do psiquismo histórico do trauma do pós-abolição em curso. Haja vista; que nossa sociedade moderna –colonial , racial e racializante articulou razão e raça como modelo epistêmico no processo de desafricanização dos atores-negros na cidade . O trauma do tronco é uma estrutura condicional das formas espaciais cicatrizadas no texto-corpo ratificado pela interdição do protagonismo negro do pensar filosofia no Brasil. Assim; o corpo negro espacializado no Brasil foi entendido como animal, coisa, objetos e mercadoria sendo espacializados de modo condicional da ausência de existência limitada nas sombras do ocidente racial-racializante do racismo estrutural no espaço urbano.
 
Publisher Universidade Federal do Rio de Janeiro
 
Contributor
 
Date 2020-06-18
 
Type info:eu-repo/semantics/article
info:eu-repo/semantics/publishedVersion

 
Format application/pdf
 
Identifier https://revistas.ufrj.br/index.php/Itaca/article/view/35208
 
Source Ítaca; n. 36 (2020): Edição Especial - Filosofia Africana; 469 - 503
Ítaca; n. 36 (2020): Edição Especial - Filosofia Africana; 469 - 503
1679-6799
1519-9002
 
Language por
 
Relation https://revistas.ufrj.br/index.php/Itaca/article/view/35208/19784
/*ref*/ANDERSON, Benedict. Nação e consciência nacional. São Paulo: Ática, 1989.
/*ref*/ANDRADE, Mário de. Macunaíma. In: ______. Obras Completas. 3 ed. São Paulo: Martins Fontes, s. d.
/*ref*/ARISTÓTELES. Arte retórica e arte poética. Trad. Antonio Pinto de Carvalho. São Paulo: Difel, 1964.
/*ref*/______. Poética. São Paulo: Nova Cultural, 1999. (Os pensadores).
/*ref*/______. De Anima. Apresentação, tradução e notas de Maria Cecília Gomes Reis. São Paulo: 34, 2006.
/*ref*/ARENDT, Hannah. Crises da República. São Paulo: Perspectiva, 1973.
/*ref*/______. As Origens do Totalitarismo: anti-semitismo, instrumento de poder. Rio de Janeiro: Documentário, 1975.
/*ref*/______. As Origens do Totalitarismo: imperialismo, a expansão do poder. Rio de Janeiro: Documentário, 1976.
/*ref*/______. As Origens do Totalitarismo: totalitarismo, o paroxismo do poder. Rio de Janeiro: Documentário, 1979.
/*ref*/______. Homens em Tempos Sombrios. São Paulo: Companhia das Letras, 1987.
/*ref*/______. A Dignidade da Política. Rio de Janeiro: Relume-Dumará, 1993.
/*ref*/______. Rahel Varnhagen: a vida de uma judia alemã na época do Romantismo. Rio de Janeiro: Relume-Dumará, 1994a.
/*ref*/______. Lições Sobre a Filosofia Política de Kant. Rio de Janeiro: Relume-Dumará, 1994b.
/*ref*/______. Sobre a Violência. Rio de Janeiro: Relume-Dumará, 1994c.
/*ref*/______. Eichmann em Jerusalém: um relato sobre a banalidade do mal. São Paulo: Companhia das Letras, 1999a.
/*ref*/______. O que é política? Rio de Janeiro: Bertrand Brasil, 1999b.
/*ref*/______. A Condição Humana. 10. ed. Rio de Janeiro: Forense Universitária, 2000a.
/*ref*/______. Entre o Passado e o Futuro. 5. ed. São Paulo: Perspectiva, 2000b.
/*ref*/______. A Vida do Espírito: o pensar, o querer, o julgar. Rio de Janeiro: Relume-Dumará, 2000c.
/*ref*/ARROYO, M. M. A trama de um pensamento complexo: espaço banal, lugar e cotidiano. In: CARLOS, Ana Fani (Org.). Ensaios de geografia contemporânea – Milton Santos: obra revisitada. SP: Hucitec, 1996, p. 55-62.
/*ref*/A TRAGÉDIA reordena o mundo. Veja, São Paulo, ano 34, n. 40, p. 93­98, 10 out. 2001.
/*ref*/______. Ética a Nicômaco. In: Os Pensadores. v. II. Trad. Leonel Vallandro e Gerd Bornheim da versão inglesa de W.D. Ross. São Paulo. Abril Cultural, 1979.
/*ref*/______. Ética a Nicômacos. Tradução, introdução e comentários de Mário da Gama Kury. Brasília: Editora da UnB, 1997.
/*ref*/AVELLAR, José Carlos. A ponte clandestina. São Paulo: Editora USP; 34,1995.
/*ref*/BAKHTIN, Mikhail. Problemas da poética de Dostoievski. Rio de Janeiro: Forense Universitária, 1981.
/*ref*/BARRETO, Lima. Coisas do reino de Jambon. Sátira e Romance. 2. ed. São Paulo: Brasiliense, 1961.
/*ref*/BARTHES, Roland. S/Z. Rio de Janeiro: Nova Fronteira, 1992.
/*ref*/______. O rumor da língua. São Paulo: Martins Fontes, 2004.
/*ref*/______. Sociedade, imaginação e publicidade. In: ______. Inéditos, vol. 3: Imagem e moda. São Paulo: Martins Fontes, 2005, p. 98-121. Coleção Roland Barthes.
/*ref*/BATISTA, N. Política criminal com derramamento de sangue. Revista Discursos Sediciosos: Crime, Direito e Sociedade, 5(6), Instituto Carioca de Criminologia. Rio de Janeiro: Freitas Bastos, 1998.
/*ref*/BAUMAN, Zigmunt. Em busca da política. Rio de Janeiro: Jorge Zahar Editor, 2000.
/*ref*/BENCHIMOL, Jaime Larry. Pereira Passos: um Haussmann tropical – A renovação urbana da cidade do Rio de Janeiro no início do século XX. Rio de Janeiro: Biblioteca Nacional. 1992.
/*ref*/BERNARDES, C. R. O. Racismo de Estado: uma reflexão a partir da crítica da razão governamental de Michel Foucault. Curitiba: Juruá, 2013.
/*ref*/BERNARDET, Jean-Claude. Cineastas e imagens do povo. São Paulo: Companhia das Letras, 2000.
/*ref*/BHABHA, Homi K. O local da cultura. Belo Horizonte: Editora da UFMG, 1998.
/*ref*/BHABHA, Homi K. “Disseminação – o tempo, a narrativa e as margens da nação moderna”. In: O local da cultura. Belo Horizonte: Editora UFMG, 1998.
/*ref*/BORGES, João Batista. Comunicação e Cultura Popular. São Paulo: Editora da USP, 1971.
/*ref*/BOURDIEU, Pierre. Distinção. Cambridge, Mass.: Harvard University, 1984.
/*ref*/______. O poder simbólico. Trad. Fernando Tomaz. Rio de Janeiro: Bertrand Brasil, 1989.
/*ref*/BRECHT, Bertolt. Estudos sobre teatro. Rio de Janeiro: Nova Fronteira, 1978.
/*ref*/BURKE, Peter. A escola dos Annales. São Paulo: Editora da Unesp, 1990.
/*ref*/CALVINO, Ítalo. As cidades invisíveis. São Paulo: Companhia das Letras, 1990.
/*ref*/CARLOS, A. F. A. (Org.) Ensaios de geografia contemporânea. Milton Santos: obra revisitada. São Paulo: Hucitec, 1996.
/*ref*/CARNEIRO, S. A. A construção do Outro como Não-Ser como fundamento do Ser. 2005. 339 f. Tese (Doutorado em Educação), Faculdade de Educação, Universidade de São Paulo, São Paulo, 2005.
/*ref*/CASTEL, Robert. As Metamorfoses da Questão Social: Uma Crônica do Salário. Petrópolis: Vozes, 1998.
/*ref*/CASTELLS, Manuel. A Era da Informação: Economia, Sociedade e Cultura – O Fim do Milênio – Vol. III. Iesbo: Fundação Calouste Gruelbenkian, 2003.
/*ref*/CASTRO, Josué de. Geopolítica da fome. Volume I. 8. ed. São Paulo: Brasiliense, 1968.
/*ref*/CERQUEIRA, D. R. C.; COELHO, D. S. C. Redução da idade de imputabilidade penal, educação e criminalidade. Rio de Janeiro: IPEA, Nota Técnica, n. 15, 2015.
/*ref*/______.; FERREIRA, H. et al. Atlas da violência 2016. Brasília, DF: IPEA, 2016.
/*ref*/CERTEAU, Michel de. A escrita da história. Rio de Janeiro: Forense Universitária, 2006.
/*ref*/CHALHOUB, Sidney. Trabalho, lar e botequim: o cotidiano dos trabalhadores no Rio de Janeiro da belle époque. 2. ed. São Paulo: UNICAMP, 2001.
/*ref*/______. “Cortiços”. In: ______. Cidade Febril: cortiços e epidemias na Corte imperial. São Paulo: Companhia das Letras, 1996. p. 15-59.
/*ref*/CHARAUDEAU, Patrick. Discurso das Mídias. São Paulo: Contexto, 2006.
/*ref*/CORBUCCI, P.; ARAUJO, H. E.; CODES, A. PNADs 2004-2014 – Educação. In: CALIXTRE, A.; VAZ, F. (Orgs.). PNAD 2014: breves análises. Brasília: IPEA, 2015.
/*ref*/COSTA, Rogério Haesbaert. Des-territorialização e identidade: a rede “gaúcha” no nordeste. Niterói: EDUFF, 1997.
/*ref*/¬______. Desterritorialização: entre as redes e os aglomerados de exclusão. In: CASTRO, Iná Elias de et al. Geografia: Conceitos e Temas. 3. ed. Rio de Janeiro: Bertrand Brasil, 2001, p. 165-205.
/*ref*/DANTAS, C. V. Racialização e mobilização negra nas primeiras décadas republicanas. Revista do Programa de Educação sobre o Negro na Sociedade Brasileira. Cadernos PENESB, Niterói, n. 12, p. 390, 2010.
/*ref*/DELEUZE, G.; GUATTARI, F. O que é a filosofia? Trad. Bento Prado Jr. e Alberto Alonso Muñoz. Rio de Janeiro: 34, 1992.
/*ref*/______.; ______. Mil Platôs. v. 2. Rio de Janeiro: 34, 1995. DEMATTEIS, G. Geografia Democrática, território e desenvolvimento local, Formação, v. 2, n. 12, p.11-26, 2005.
/*ref*/DERRIDA, Jacques. Margens da Filosofia. Trad. Joaquim Costa e António M. Magalhães. Campinas, SP: Papirus, 1991.
/*ref*/______. A Voz e o Fenômeno: introdução ao problema do signo na fenomenologia de Husserl. Trad. Lucy Magalhães. Rio de Janeiro: Jorge Zahar Editor, 1994.
/*ref*/______. Mal de Arquivo: uma impressão freudiana. Trad. Claudia de Moraes Rego. Rio de Janeiro: Relume Dumará, 2001a.
/*ref*/______. Posições. Trad. Tomaz Tadeu da Silva. Belo Horizonte: Autêntica, 2001b.
/*ref*/______. Gramatologia. Trad. Miriam Chnaiderman e Renato Janine Ribeiro. São Paulo: Perspectiva, 2004a.
/*ref*/______. A Escritura e a Diferença. Trad. Maria Beatriz Marques Nizza da Silva. Rio de Janeiro: Jorge Zahar Editor, 2004b.
/*ref*/______. A Farmácia de Platão. Trad. Rogério Costa. São Paulo: Iluminuras, 2005.
/*ref*/______.; ROUDINESCO, Elizabeth. De que amanhã... diálogos. Trad. André Telles. Rio de Janeiro: Jorge Zahar Editor, 2004.
/*ref*/ECO, Umberto. A Estrutura Ausente. São Paulo: Perspectiva, 1991.
/*ref*/EDMUNDO, Luis. O Rio do Janeiro do meu tempo. Vol. 1. Rio de Janeiro: Conselho Editorial, 2009.
/*ref*/EGLER, T. T. C. Ciberpólis: redes no governo da cidade. Rio de Janeiro: 7letras, 2007.
/*ref*/______. Espaço social e política urbana global. In: RIBEIRO, A. C. T.. Otro desarrolho urbano: ciudad incluyente, justicia y gestión democrática. Buenos Aires: Editora Clacso, 2009.
/*ref*/EYERMAN, Ron. Cultural Trauma: Slavery and the formation of African American identity. Cambridge, 2001.
/*ref*/FANON, Frantz. Pele negra, máscara branca. Salvador: EDUFBA, 2008.
/*ref*/FAORO, Raymundo. A questão nacional: a modernização. [online]. v. 6, n. 14, p. 7-22. 1992. ISSN: 85-7232-435-6. Disponível em: <http://www.scielo.br/pdf/ea/ v6n14/v6n14a02.pdf>. Acesso em: 16 maio 2013.
/*ref*/FASSIN, D.; RECHTMAN, R. The Empire of Trauma: an inquiry in the condiction of victimhood. Princeton: Princeton University Press, 2009, 1972.
/*ref*/FERNANDES, Florestan. O negro no mundo dos brancos. São Paulo: Difusão Européia do Livro, 2006.
/*ref*/FERNANDES, Florestan. A Revolução burguesa no Brasil: ensaio de interpretação sociológica. São Paulo: Globo, 2006.
/*ref*/FLAUZINA, A. L. P. Corpo negro caído no chão: o Sistema Penal e o Projeto Genocida do Estado brasileiro, 2006. 145 f. Dissertação (Mestrado em Direito) – Faculdade de Direito, Universidade de Brasília, Brasília, 2006.
/*ref*/FOLHA DA MANHÃ. 26/11/1925, Banco de Dados Folha. Acervo de Jornais online. Disponível em: <http://www.revistadehistoria.com.br/v2/home/?go=detalhe&id=1152>. Acesso em: 8 dez. 2013.
/*ref*/FONTOURA, N.; LIMA Jr.; CHERFEM, C. O. PNAD 2014 – Alterações no mundo do trabalho, segundo marcadores de gênero e raça. In: CALIXTRE, A.; VAZ, F. PNAD 2014: breves análises. Brasília: IPEA, 2015.
/*ref*/FOUCAULT, M. Microfísica do poder. 6. ed. Rio de Janeiro: Edições Graal, 1986.
/*ref*/______. Direito de morte e poder sobre a vida. In: ______. História da sexualidade I – A vontade de saber. Rio de Janeiro: Edições Graal, 1988.
/*ref*/______. A ordem do discurso. São Paulo: Loyola, 2000.
/*ref*/______. Os anormais: curso no Collège de France (1974-1975). São Paulo: Martins Fontes, 2001.
/*ref*/______. Aula de 28 de janeiro de 1976. In: ______. Em defesa da Sociedade – Curso no Collège de France. São Paulo: Martins Fontes, 2005a.
/*ref*/______. (1976b) Aula de 17 de março de 1976. In: ______. Em defesa da Sociedade – Curso no Collège de France. São Paulo: Martins Fontes, 2005b.
/*ref*/______. A arqueologia do saber. Rio de Janeiro: Forense Universitária, 2005c.
/*ref*/FREYRE, G. Casa-grande & senzala: formação da família brasileira sob o regime da economia patriarcal. 36. ed. Rio de Janeiro: Record, 1999.
/*ref*/FREUD, S. (1940 [1938]) Esboço de psicanálise. Edição Standard Brasileira das Obras Completas de Sigmund Freud, vol. XXIII. Rio de Janeiro: Imago, 1996a.
/*ref*/______. (1937) Construções em análise. Edição Standard Brasileira das Obras Completas de Sigmund Freud, vol. XXIII. Rio de Janeiro: Imago, 1996b.
/*ref*/______. (1936) Um distúrbio de memória na acrópole. Edição Standard Brasileira das Obras Completas de Sigmund Freud, vol. XXII. Rio de Janeiro: Imago, 1996c.
/*ref*/______. (1933 [1932]) Por que a guerra? Edição Standard Brasileira das Obras Completas de Sigmund Freud, vol. XXII. Rio de Janeiro: Imago, 1996d.
/*ref*/______. (1931) Sexualidade feminina. Edição Standard Brasileira das Obras Completas de Sigmund Freud, vol. XXI. Rio de Janeiro: Imago, 1996e.
/*ref*/______. (1930 [1929]) O mal-estar na civilização. Edição Standard Brasileira das Obras Completas de Sigmund Freud, vol. XXI. Rio de Janeiro: Imago, 1996f.
/*ref*/______. (1927b) O futuro de uma ilusão. Edição Standard Brasileira das Obras Completas de Sigmund Freud, vol. XXI. Rio de Janeiro: Imago, 1996g.
/*ref*/FRIEDMAN, Fania. Paisagem estrangeira: memória de um bairro judeu no Rio de Janeiro. Rio de Janeiro: Casa da Palavra, 2007.
/*ref*/GASPARI, Elio. A ditadura encurralada: – O sacerdote e o feiticeiro. São Paulo: Companhia das Letras, 2006.
/*ref*/GEERTZ, Clifford. A Interpretação das Culturas. Rio de Janeiro: Jorge Zahar Editor, s/d.
/*ref*/GILROY, Paul. O Atlântico negro. Rio de Janeiro: UCAM; 34, 2001. GOMES, Ângela de Castro; FERREIRA, Jorge. Jango – as múltiplas faces. Rio de Janeiro: Editora FGV, 2007. das Letras, 2004.
/*ref*/GOMES, Flávio. História, protesto e cultura política no Brasil escravista. In: SOUSA, Jorge P. de (Org.). Escravidão: ofícios e liberdade. Rio de Janeiro: Arquivo Público do Estado do Rio de Janeiro, 1998.
/*ref*/GOMES, Flávio et al. Cidades Negras: africanos, crioulos e espaços urbanos no Brasil escravista do século XIX. 2. ed. São Paulo: Alameda, 2006.
/*ref*/GOMES, Flavio dos Santos. Histórias de Quilombolas, Mocambos e Comunidades de Senzalas no Rio de Janeiro - séc. XIX. - Edição Revista e Ampliada. São Paulo: Companhia das Letras, 2006.
/*ref*/GOMES, João Carlos Teixeira. Glauber Rocha – esse vulcão. Rio de Janeiro: Nova Fronteira, 1997.
/*ref*/GOMES, Renato Cordeiro; MARGATO, Izabel. O papel do intelectual hoje. Belo Horizonte: Editora da UFMG, 2005.
/*ref*/GRAMSCI, Antonio. Cadernos do cárcere – Os intelectuais, o princípio educativo e o jornalismo. Rio de Janeiro: Civilização Brasileira, 2004.
/*ref*/GUIMARÃES, Antônio Sérgio Alfredo. Racismo e Antirracismo no Brasil. São Paulo: Fundação de Apoio à Universidade de São Paulo; 34, 1999.
/*ref*/HAAR, Michel. Heidegger e a essência do homem. Lisboa: Instituto Piaget, 1990.
/*ref*/HABBERMAS, Jürgen. Mudança estrutural na esfera pública. Trad. Flávio R. Kothe. Rio de Janeiro: Tempo Brasileiro, 2003.
/*ref*/HALL, Stuart. A identidade Cultural na pós-modernidade. Trad. Tomaz Tadeu da Silva e Guacira Lopes Louro. 7. ed. Rio de Janeiro: DP&A, 2002.
/*ref*/______. Da Diáspora: identidades e mediações culturais. Belo Horizonte: Editora da UFMG; Brasília; Representação da UNESCO no Brasil. 2003.
/*ref*/HARVEY, D. A produção capitalista do espaço. São Paulo: Annablume,2005 (2001).
/*ref*/HEGEL, G. W. F. A razão na história - Introdução à filosofia da história. São Paulo: Centauro Editora, 2004.
/*ref*/HEIDEGGER, M. Introdução à metafísica (1935). Trad. de Emmanuel Carneiro Leão, Rio de Janeiro: Tempo Brasileiro, 1969.
/*ref*/______. Carta sobre o humanismo. Lisboa: Guimarães, 1987.
/*ref*/______. Heráclito: a origem do pensamento ocidental: lógica: a doutrina heraclítica do logos (1943 – 1944). Trad. de Marcia Sá Cavalcante Schuback. Rio de Janeiro: Relume-Dumará, 1998.
/*ref*/______. A origem da obra de arte (1936). Trad. de Maria da Conceição Costa, Lisboa: Edições 70, 1999.
/*ref*/______. Ser e tempo (1927), Partes I e II. Trad. de Marcia Sá Cavalcante Schuback, Petrópolis: Vozes, 2002. [Sein und Zeit, Frankfurt am Main: Vittorio Klostermann, 1977.]
/*ref*/______. Sobre a essência da verdade (1943). In: ______. Conferências e escritos filosóficos. Trad. de Ernildo Stein, São Paulo: Nova Cultural, 2005a.
/*ref*/______.Que é metafísica? (1929) In: ______. Conferências e escritos filosóficos. Trad. de Ernildo Stein. São Paulo: Nova Cultural, 2005b. ______. Sobre a essência do fundamento (1929). In: ______. Conferências e escritos filosóficos. Trad. de Ernildo Stein. São Paulo: Nova Cultural, 2005c.
/*ref*/HOBSBAWN, Eric; RANGER, Terence (Orgs.). A invenção das Tradições. Rio de Janeiro: Paz e Terra,2006.
/*ref*/HOBSBAWN, Eric. Era dos extremos: O breve século XX: 1914-1991. São Paulo: Companhia das Letras, 1995.
/*ref*/______. O novo século: entrevista a Antonio Polito. São Paulo: Companhia das Letras, 2000. 1997., p. 28-37.
/*ref*/HOLLANDA, Sérgio Buarque de. As raízes do Brasil, (1ª edição 1936), São Paulo: Companhia das Letras, 1995.
/*ref*/HOOKS, bell. In: WERNECK, Jurema; MENDONÇA, Maisa; WHITE, Evelyn C. (Orgs.). O Livro da Saúde das Mulheres Negras; Nossos Passos Vem de Longe. Rio de Janeiro: Pallas; Criola, 2002, pp. 1-89. HUGO, Victor. Os trabalhadores do mar. Trad. de Machado de Assis. São Paulo: Martin Claret, 2001, p. 179-250.
/*ref*/JACCOUD, L. Racismo e República: o debate sobre o branqueamento e a discriminação racial no Brasil. In: THEODORO, M. et al. (Orgs.). As políticas públicas e a desigualdade racial no Brasil: 120 anos após a abolição. Brasília: IPEA, 2008, p. 49-62.
/*ref*/JIMENEZ, Marc. O que é estética? São Leopoldo: UNISINOS, 2006.
/*ref*/KARACH, Mary C. As nações do Rio. In: ______. A vida dos escravos no Rio de Janeiro (1808-1850). São Paulo: Companhia das Letras. 2000.
/*ref*/MAFFESOLI, Michel. A conquista do presente. Rio de Janeiro: Rocco, 1984.
/*ref*/______. No tempo das tribos. Rio de Janeiro: Forense Universitária, 2000. MAIO, Marcos Chor. Raça, doença e saúde pública no Brasil: um debate sobre o pensamento higienista do século XIX. In: MONTEIRO, S.; SANSONE, L. (Orgs.). Etnicidade na América Latina: um debate sobre raça, saúde e direitos reprodutivos. Rio de Janeiro: Fiocruz, 2004, p. 15-44.
/*ref*/MAQUIAVEL, Nicolau. Discurso sobre a primeira década de Tito Lívio. São Paulo: Martins Fontes, 2007.
/*ref*/______. O príncipe. Trad. Antonio Caruccio-Caporale. São Paulo: L&PM: Porto Alegre, 2011.
/*ref*/MARTON, Scarlett. Nietzsche, filósofo da suspeita? Rio de Janeiro: Casa da Palavra; São Paulo: Casa do Saber, 2010.
/*ref*/MARX, Karl. El capital. Libro 3. 2. ed. Trad. Wenceslao Roces. Ciudad de México: Fondo de Cultura Económica, 1968.
/*ref*/______. O capital. Livro 2: O processo de circulação do capital. Trad. Reginaldo Sant’anna. Rio de Janeiro: Civilização Brasileira, 1970.
/*ref*/______.O capital: crítica da economia política. Livro 1: O processo de produção capitalista. 2. ed. Rio de Janeiro: Civilização Brasileira, 1971.______. Crítica ao programa de Gotha. In: ______.; ENGELS, F. Textos. v. 1. São Paulo: Edições Sociais, 1975.
/*ref*/______. Escritos económicos menores. Ciudad de México: Fondo de Cultura Económica, 1987.
/*ref*/______. Formações econômicas pré-capitalistas. 6. ed. Introd. Eric Hobsbawm. Trad. João Maia. Rio de Janeiro: Paz e Terra, 1991.
/*ref*/______. Glosas críticas marginais ao artigo “O rei da Prússia e a reforma social”. De um prussiano. In: Práxis. n. 5, out.-dez. 1995. Belo Horizonte: Projeto Joaquim de Oliveira, 1995a.
/*ref*/______. El capital. Libro 1. 2. ed. 24ª reimpressão. Trad. Wenceslao Roces. Ciudad de México: Fondo de Cultura Económica, 1995b.
/*ref*/______. Para a crítica da economia política. São Paulo: Nova Cultural, 2000.
/*ref*/______. O 18 Brumário e Cartas a Kugelmann. 7. ed. Trad. Leandro Konder. Rio de Janeiro: Paz e Terra, 2002.
 
Rights Direitos autorais 2020 Wallace Lopes Silva
http://creativecommons.org/licenses/by-nc-sa/4.0
 

Contact Us

The PKP Index is an initiative of the Public Knowledge Project.

For PKP Publishing Services please use the PKP|PS contact form.

For support with PKP software we encourage users to consult our wiki for documentation and search our support forums.

For any other correspondence feel free to contact us using the PKP contact form.

Find Us

Twitter

Copyright © 2015-2018 Simon Fraser University Library