Filosofia da oralidade: contribuições da tradição oral para filosofia africana e afrodiaspórica

Ítaca

View Publication Info
 
 
Field Value
 
Title Filosofia da oralidade: contribuições da tradição oral para filosofia africana e afrodiaspórica
 
Creator Paula Junior, Antonio Filogenio de
 
Subject Filosofia; Educação
Filosofia; Oralidade; Tradição; Ancestralidade; Corpo
 
Description Este artigo apresenta as epistemologias contidas na tradição oral de matriz africana como elementos constitutivos da filosofia da oralidade. A tradição oral é, segundo Hampaté Bâ (2010), Ki Zerbo (2010) e Vansina (2010), um traço fundamental do modo de ser africano que se prolonga na diáspora, sendo possível o seu reconhecimento, também, nas culturas de resistência ou culturas afro-brasileiras. Neste sentido, fazer filosofia a partir dessa referencialidade é dialogar com a filosofia da oralidade como campo conceitual para filosofia africana e afro-diaspórica.
 
Publisher Universidade Federal do Rio de Janeiro
 
Contributor Universidade Metodista de Piracicaba
 
Date 2020-06-18
 
Type info:eu-repo/semantics/article
info:eu-repo/semantics/publishedVersion

 
Format application/pdf
 
Identifier https://revistas.ufrj.br/index.php/Itaca/article/view/31988
 
Source Ítaca; n. 36 (2020): Edição Especial - Filosofia Africana; 321 - 358
Ítaca; n. 36 (2020): Edição Especial - Filosofia Africana; 321 - 358
1679-6799
1519-9002
 
Language por
 
Relation https://revistas.ufrj.br/index.php/Itaca/article/view/31988/19776
/*ref*/ANTONACCI, Antonieta. Memórias ancoradas em corpos negros. São Paulo: EDUC, 2013.
/*ref*/CARNEIRO, Sueli. A construção do outro como não ser como fundamento do ser. Tese de doutorado em Educação, São Paulo: USP, 2005.
/*ref*/CASTIANO, José P. Referenciais da filosofia africana: em busca da intersubjetivação. Maputo: Sociedade Editorial Ndjira, 2010.
/*ref*/CASTIANO, José P. Filosofia Africana: da sagacidade à intersubjetivação. Maputo: Editora Educar, 2015.
/*ref*/DA SILVA, Vagner Gonçalves. Exu: o guardião da casa do futuro. Rio de Janeiro: Pallas, 2015.
/*ref*/DIOP, Cheikh Anta. A unidade cultural da África Negra: esferas do patriarcado e do matriarcado na antiguidade clássica. Luanda/Ramada: Mulemba/Pedago, 2014.
/*ref*/GOMES, Nilma Lino. O movimento negro educador: saberes construídos nas lutas por emancipação. Petópolis-RJ: Vozes, 2017.
/*ref*/HAMPATÉ BÂ, Amadou. Amkoullel, o menino fula. São Paulo: Palas/Casa das Áfricas, 2003.
/*ref*/_____________________. Tradição viva. In: História geral da África I. ZERBO, J.K (org.). Brasília:MEC/Unesco, 2010.
/*ref*/HEYWOOD, Linda M. Diáspora negra no Brasil. São Paulo: Contexto, 2010.
/*ref*/KI-ZERBO, Joseph. Introdução Geral. In: História Geral da África.V.1.Brasília: UNESCO, 2010.
/*ref*/MACHADO, Adilbênia Freire. Filosofia Africana: ancestralidade e encantamento como inspirações formativas para o ensino de africanidades. Fortaleza: Imprece, 2019.
/*ref*/OLIVEIRA, Eduardo David de. Filosofia da ancestralidade: corpo e mito na filosofia da educação brasileira. Tese de doutorado. Programa de Pós-graduação em Educação – UFC. Fortaleza: Ceará, 2005.
/*ref*/PAULA JUNIOR, Antonio Filogenio de. Educação e Oralidade no Oeste Africano pela representação de Amadou Hampaté Bâ. Dissertação de Mestrado. Programa de Pós-Graduação em Educação – Unimep. Piracicaba, 2014.
/*ref*/_________________________________. Filosofia afro-brasileira: epistemologia, cultura e educação na caiumba paulista. Tese de doutorado. Programa de Pós-Graduação em Educação – Unimep. Piracicaba, 2019.
/*ref*/RAMOSE, Mogobe. A ética do ubuntu. Tradução para uso didático de: RAMOSE, Mogobe B. The ethics of ubuntu. In: COETZEE, Peter H.; ROUX, Abraham P.J. (eds). The African Philosophy Reader. New York: Routledge, 2002, p. 324-330, por Éder Carvalho Wen. Disponível em filosofia-africana.weebly.com/.../1/3/.../mogobe_b._ramose_-_a_ética_do_ubuntu.pdf
/*ref*/________________. Sobre a legitimidade e o estudo de filosofia africana. Ensaios Filosóficos. Volume IV, outubro, 2011, p. 6-25.
/*ref*/SOMÉ, Sobunfu. O Espirito da Intimidade: ensinamentos tradicionais africanos sobre maneiras de se relacionar. São Paulo: Odysseus, 2007.
/*ref*/WILLIAMS, Eric. Capitalismo e escravidão. São Paulo: Companhia das Letras, 2012.
/*ref*/VANSINA, Jan. A tradição oral e sua metodologia. In: História geral da África I. ZERBO, J.K (org). Brasília: MEC / Unesco, 2010.
 
Rights Direitos autorais 2020 Antonio Filogenio de Paula Junior
http://creativecommons.org/licenses/by-nc-sa/4.0
 

Contact Us

The PKP Index is an initiative of the Public Knowledge Project.

For PKP Publishing Services please use the PKP|PS contact form.

For support with PKP software we encourage users to consult our wiki for documentation and search our support forums.

For any other correspondence feel free to contact us using the PKP contact form.

Find Us

Twitter

Copyright © 2015-2018 Simon Fraser University Library